Como Mindfulness tem feito a diferença nas grandes empresas

Como Mindfulness tem feito a diferença nas grandes empresas

Nos negócios costuma-se dizer que tempo é dinheiro. No entanto, este deixou de ser o único objetivo dos empresários, a aprendizagem, a felicidade e a qualidade de vida têm entrado nas organizações como meta também. Assim, várias empresas têm estimulado os funcionários a pararem, prestarem atenção na respiração e nos sinais do corpo por meio da meditação Mindfulness. Esta pausa estratégica é fundamental para que o tempo, inclusive, seja convertido em bons rendimentos e relacionamentos: tanto para as empresas quanto para os funcionários.

Como já citamos em outro artigo, Google, Samsung, Instagram, Facebook e Ebay figuram a lista das famosas empresas adeptas à prática Mindfulness. No Brasil, a Confederação Nacional das Indústria (CNI) estuda oferecer treinamento Mindfulness como parte de um programa para combater o estresse para colaboradores da Confederação, Senai e Sesi.

[minibanner texto=”Receba imediatamente dois áudios com orientações para sua meditação Mindfulness, clique aqui para acessar!” url=”http://meditandonodiaadia.com/meditacao-guiada/”]

A Mead Johnson, multinacional de nutrição infantil instalada em São Paulo, oferece o treinamento há dois anos. A sugestão foi do presidente da empresa, o argentino Nestor Sequeiros, que era adepto da meditação há anos. Segundo ele, no início 12 quiseram parar para exercitar a atenção plena, atualmente 30 meditam, metade dos funcionários da unidade. Sequeiros afirma que os resultados foram: melhoria do relacionamento entre os departamentos, mais esforço individual e coletivo para resolver problemas e até houve a redução de faltas por questões de saúde.

Muitos dos benefícios sentidos pelos empresários são comprovados cientificamente. Um estudo da bióloga Elisa Kozasa, do Instituto do Cérebro do Hospital Israelita Albert Einstein, diz que Mindfulness muda a mente.  “As pessoas que não praticam precisam ativar mais regiões para realizar a mesma tarefa de atenção”, afirma Elisa. “É como se o cérebro de quem medita fosse mais eficiente.”

Por todos resultados, grandes empresas e profissionais veem em Mindfulness uma forma de encarar a vida com mais consciência e tranquilidade. Para se ter uma ideia, no mais recente Fórum Econômico de Davos a palestra mais concorrida foi sobre atenção plena, ministrada por Matteu Ricard, que por acaso também é considerado o homem mais feliz do mundo pelos cientistas. Quer evidência maior de que a felicidade tem tudo a ver com ser bem-sucedido em qualquer área, inclusive na empresarial?

Se você quiser sentir na pele, no cérebro e na vida todos os efeitos nós temos programas que podem ser desenvolvidos de acordo com seus objetivos, na sua empresa ou em qualquer outro lugar, além de workshops, confira em nossa página de cursos (clique aqui).

Referências consultadas para produzir este artigo:

 

Deixe seu comentário, vamos adorar conversar com você